Jovens para um Mundo Unido

Os Jovens para um Mundo Unido são a expressão juvenil do Movimento dos Focolares. Jovens de diferentes países, culturas e convicções religiosas, unidos no compromisso de viver pela fraternidade universal, de acordo com a “Regra de Ouro” que convida a fazer aos outros o que gostaríamos que fosse feito a nós.

O sonho dos Jovens para um Mundo Unido é ver crescer uma cultura que valorize a vida e experiência da fraternidade, não só na coerência de acções quotidianas mas também através de percursos de formação cultural que conduzam à paz e a condições de vida mais humanas de todos os povos.

É neste contexto que foi lançado o United World Project, que aspira a fazer da fraternidade universal o novo paradigma político, económico, laboral, desportivo, da ciência e da arte. Através da criação de uma rede mundial, constitui um observatório permanente internacional que estuda, promove e recolhe ações de fraternidade no mundo. Este desafio surgiu no final de Agosto de 2012 em Budapeste na 10a edição do Genfest: encontro mundial de Jovens para o Mundo Unido, quando 12.000 jovens, com o testemunho da sua geração, a história de 125 países dos quais provinham, fizeram o pacto do empenho de viver pela fraternidade universal. Uma das iniciativas levadas a cabo é uma campanha mundial de assinaturas pela Paz.

A Semana Mundo Unido, inserida neste projeto, é uma oportunidade para propor às instituições iniciativas de fraternidade e incidir sobre a opinião pública nos países em que se desenvolve. Esta é uma experiência que aguarda o reconhecimento oficial da ONU.

Pode acompanhar os Jovens para um Mundo Unido no Facebook